Quais os tipos de integração existentes na Cora?

Atualmente, temos dois tipos de integração: a "Parceria Cora" e a "Integração Direta". Nós vamos explicar mais sobre elas, confira: 

Parceria Cora:
Essa modalidade de parceria contempla empresas ERPs, CRMs, BPO financeiros, contabilidades digitais e outras empresas relacionadas ao mesmo segmento.  As integrações via APIs trazem mais produtividade e otimizam o tempo dos seus clientes finais, melhorando a qualidade do serviço prestado.

Dessa forma, temos três públicos envolvidos:

  • Cora: nós quem criamos as soluções tecnológicas
  • Empresa parceira: você, empresa que buscou a Cora para realizar essa parceria e deseja integrar com as APIs
  • Cliente final: é a pessoa que utiliza a sua plataforma e a da Cora para fazer a gestão.

Para ficar mais fácil de entender, preparamos um exemplo:

Temos várias empresas parceiras que estão enquadradas como ERPs (Enterprise Resource Planning), ou seja, empresas que oferecem softwares de gestão empresarial para facilitar a operação de seus clientes finais.

Essas empresas buscam na Cora os produtos bancários que faltavam para complementar a gama de produtos e serviços e dar uma experiência mais fluida na gestão de seu negócio e ao ”cliente final”. 

Mas empresas da modalidade ERP são apenas um exemplo. Como falamos acima, diversas empresas de outras áreas também consideram a Cora a parceira ideal para oferecer produtos bancários de qualidade.

Integração Direta
Essa modalidade é voltada para empresas que têm software próprio de gestão e desejam utilizar as nossas APIs diretamente nestes sistemas para ter mais praticidade no dia a dia. Desta forma, não envolve seus clientes finais e nem necessita da intermediação de uma "empresa parceira".

Em "Integração Direta" há apenas duas participações:

  • Cora: nós, que criamos as soluções tecnológicas;
  • Cliente Direto: pessoa usuária que integra as nossas APIs em seu próprio sistema para facilitar seu dia a dia.
Esse artigo foi útil?
Usuários que acharam isso útil: 64 de 108

Comentários

0 comentário

Por favor, entre para comentar.