O RPS (Recibo Provisório de Serviços) é um documento que substitui a Nota Fiscal de Serviços de forma temporária.

O número do RPS é sequencial e enviado à prefeitura para ser convertido em Nota Fiscal. O RPS 20 pode gerar uma Nota Fiscal de número 50, eles não são obrigatoriamente relacionados.

Você só tem um número de RPS se já tiver emitido Nota Fiscal por um sistema que não seja o da prefeitura. Caso você só use o site da prefeitura, deve colocar o número 1 no campo de RPS.  

Número de série do RPS

O número de série do RPS é um controle interno da prefeitura, podendo variar de prefeitura pela prefeitura. Geralmente, é um número ou uma letra, os mais comuns são 1, E ou U. 

Encontre o Número do  RPS na Nota Fiscal

Você encontra o número do RPS na Nota Fiscal, na parte superior, como destacado na imagem da Nota Fiscal da prefeitura de São Paulo.

Quando precisar informar o número do RPS você pode consultá-lo na última Nota Fiscal que emitiu. 

Observação: esse é um exemplo da Nota Fiscal da prefeitura de São Paulo. Pode ser que para outras cidades esteja em outro lugar ou não tenha o número. 

Importância do RPS

Quando acontece algum problema com a Nota Fiscal ou você precisa de um comprovante com urgência pode usar o RPS para comprovar que prestou o serviço.

Quando o RPS está disponível, você pode solicitar no site da  prefeitura em que o serviço foi prestado.

Em caso de dúvidas, recomendamos entrar em contato com a sua contabilidade para mais informações. 

Você pode criar um perfil de acesso para a sua contabilidade te ajudar com as Notas Fiscais seguindo os passos desse artigo: Como adiciono um perfil de acesso na Conta Cora?

Esse artigo foi útil?
Usuários que acharam isso útil: 0 de 0

Comentários

0 comentário

Por favor, entre para comentar.